decoradores de interiores

Como tornar um hall mais acolhedor

O hall de uma habitação é o lugar das boas vindas, é o que vemos primeiro quando entramos numa casa. Deverá, portanto, ser acolhedor, quer em termos de decoração, quer depois de qualquer remodelação de casa que resolva fazer. Decorá-lo dependerá do seu tamanho, da luminosidade existente e do seu formato. É quadrado? É rectangular? Tem uma escadaria por cima? E que estilo terá? Moderno, mais tradicional, mais eclético, mais funcional, mais decorativo, a escolha é sua. É importante, porém, que a decoração escolhida ligue com a dos restantes compartimentos. Pode fazê-lo sozinha ou recorrendo a decoradores de interiores.

Seja qual for a opção, há peças que sempre estarão associadas a um hall, como os cabides para casacos, malas e mochilas, um local para as chaves, uma sapateira, um candeeiro, um tapete, um espelho. Precisar de todas, ou não, já depende da vida de cada um, mas de algumas certamente precisará; e necessitará, ainda, para que o espaço fique acolhedor, de pensar nas cores, nos materiais, nos tecidos, nos acessórios, quer esteja a pensar fazer apenas uma pequena decoração, quer seja uma remodelação de casa total. Um hall pode ter uma poltrona com almofadas, ou uma estante com livros, por exemplo. O importante é que tenha vida e que passe um sentimento de receptividade.

Se o hall for pequeno, ficará mais limitada, é certo, mas basta uma só peça de traços originais – imagine um bengaleiro com um formato diferente, ou uma peça de arte – e terá logo outro impacto. E não esqueça, em caso de pouco espaço, um espelho bem colocado sempre ajuda. Em caso de dúvida deve sempre pedir consultoria a decoradores de interiores que o/a podem ajudar. Tenha atenção à moldura do espelho, pode fazer toda a diferença. Já agora, não esqueça também o quão convenientes são os móveis multifuncionais. Uma sapateira poder ser, ao mesmo tempo, a mesa onde colocamos a chaves ou um candeeiro. Importa é que seja pensada ou que as remodelações sejam pensadas para aquele espaço em específico. Construa um local não de peças soltas, mas onde tudo se conjuga. Harmonia é uma das palavras-chave.

Se o hall for rectangular, porque é ao mesmo tempo um corredor e o que vemos quando abrimos a porta é uma parede em frente, ou duas (uma de cada lado), então, uma possível solução de decoração será preencher uma delas com fotografias: da família, de amigos, das viagens feitas. Novamente, preste particular atenção às molduras. Neste caso, a iluminação também será determinante, como na maioria das remodelações, porque este é o tipo de entrada que tende a ser mais escura e isso não é acolhedor. Ao longo do corredor terá depois espaço para outras peças, mais funcionais ou não. Mas não esqueça os pormenores, o conforto.

No caso de o seu hall ser quadrado e espaçoso, óptimo, o que não falta são ideias. Um bom tapete, uma poltrona, umas almofadas, uns quadros ou um candeeiro com um design original são peças que pode escolher, dignas de trabalho feito por decoradores de interiores. Não descure a cor que escolhe para as paredes e, lembre-se, quanto maior for o espaço, maior é o leque de escolha, porque não ficará confinado às cores claras. Pode até escolher uma cor mais viva para, se lhe convier, diminuir ou tornar mais acolhedor o seu hall. Já agora, por que não escolher um papel de parede mais vistoso? Ou utilizar stencils? São muitas as hipóteses de decoração, como pode ver.

As soluções são várias para decoração ou remodelação de casa, de forma a tornar acolhedor qualquer compartimento ou divisão; e não têm que ser, necessariamente, caras. É conveniente pedir orçamentos até porque há vários preços para as mesmas ou semelhantes soluções. E não se esqueça do poder da reciclagem. Quando se trata dos móveis, por exemplo, pode sempre reciclar-se. Um cadeirão velho pode pintar-se, forrar-se e ficar novo. Uma sapateira muito escura e velha pode pintar-se em tom mais claro e com um ou outro pormenor novo ficar irreconhecível e mais adequada ao espaço que quer criar.

As possibilidades para remodelações de hall são muitas, o importante é que defina uma ideia para o seu hall. Ele pode ser funcional, mas bonito, confortável e acolhedor ao mesmo tempo. Afinal é a primeira coisa que vê quando abre a porta de sua casa.

pintar a casa

Pintar a Casa: Qual é o Momento Certo?

Um dos projectos de decoração com um custo mais elevado é o de pintar a casa e voltar a pintar, se for caso disso, mas na verdade não fazê-lo bem quando ela necessita pode custar muito mais, a longo prazo.

O seu revestimento pode ser danificado pelo sol ou humidade e com o passar do tempo a pintura de interiores e exteriores existente vai começar a separar-se da casa. Se isso ocorrer, precisa de remover a pintura antiga antes de voltar a pintar, o que aumenta consideravelmente e tempo e despesas do processo de pintura de vivendas, por exemplo, onde falamos de muito mais espaço. Para evitar isto, esteja atento aos sinais de que a sua casa precisa de ser pintada de novo e, se quiser, fale com pintores profissionais para efectuar o trabalho.

A sua casa é nova (de três a cinco anos)

Provavelmente parece contraintuitivo que uma casa recente necessite de ser pintada de novo, mas a maioria das casas novas têm apenas uma demão de pintura exterior sobre o revestimento. Essa demão de pintura de interiores e exteriores terá bom aspeto durante algum tempo, mas ao final de cerca de três anos já não estará a proteger a sua casa dos elementos, o que significa que está na hora de fazer um trabalho de pintura adequado na sua casa.

decoração

A sua casa tem uma tonalidade cinzenta? Esbranquiçada?

O revestimento debutado pelo sol, areia e sal em casas costeiras contribui em muito para o seu charme. Infelizmente, o mesmo não se pode dizer no que diz respeito ao interior. Se o exterior da sua casa ficou com uma cor que termina em “ada”, então é provável que seja altura de pintar a casa, pois a que tem actualmente já não protege o seu revestimento. Faça um teste, passe o seu dedo por zonas particularmente desbotadas. Se surgir um resíduo tipo giz, isso significa que a resina que mantém a pintura de interiores na sua casa e que faculta muita da proteção contra os elementos foi danificada, deixando apenas o pigmento da pintura. Nesse caso é altura de equacionar um novo trabalho de pintura.

Lascas, Rachadelas e Bolhas

Segundo os decoradores de interiores, geralmente quando aparecem sintomas como estes, significa que esperou demasiado tempo – mas isto nem sempre é verdade. Se nota lascas e rachadelas apenas em algumas zonas, particularmente em volta de janelas, provavelmente o problema não será a pintura, mas antes a humidade a entrar no revestimento. Isto pode ser corrigido ao fazer uma celagem em volta da janela, para bloquear a humidade. Se as lascas e rachadelas estiverem em toda a casa, geralmente isto significa que a pintura começou a sair. Para determinar o grau do problema encontre uma área que esteja a perder a pintura e passe um raspador. Se ainda conseguir ver a mesma por baixo da zona que removeu, pode raspar, lixar e voltar a pintar. Se a raspagem revelar barras de madeira, terá de remover a pintura existente antes de voltar a pintar.

O momento certo de pintar a casa ou tratar da pintura de vivendas depende de muitos factores, como já deve ter entendido, mas não deve ser deixada ao acaso e deve ser feito no tempo certo, para não ter dissabores e obras maiores e mais caras devido ao tempo que deixou passar e que foi deteriorando a sua casa. Por isso tome atenção aos temas em cima e se precisar de ajuda na decoração, escolha de cores e outros temas, peça ajuda a decoradores de interiores que irão aconselhar-lhe sobre a melhor opção.

remodelação de cozinha

Como escolher a forma do seu lava-loiça numa remodelação de cozinha

Sabemos que são muitas as escolhas que teremos de fazer ao longo de uma remodelação, e a escolha de um lava-loiça deve também ter em conta também o tipo dos mesmos. Para saber o que selecionar deve ter sempre olhar e analisar a dinâmica da sua cozinha e o espaço que terá disponível.

Conheça agora os tipos de lava-loiça existentes, para poder tomar uma decisão informada.

1. Formato Quinta

Prós: Muitos lava-loiças em formato de quinta são grandes e únicos. A diferença é a sua frente distinta, que transmite uma aparência vintage que muitos proprietários adoram. Num lava-loiça típico, a cuba pode estar a 10 cm de distância do início da bancada, mas este lava-loiça pode estar um pouco abaixo da linha de bancada. Para pessoas de estatura baixa e crianças, um lava-loiça de quinta pode ser muito mais acessível, que é um ponto muito importante a ter em conta quando se estão a planear remodelações. Se escolher um lava-loiça de quinta de porcelana ou cerâmica, há uma grande variedade de opções de cores.

Contras: Um lava-loiça de formato quinta faz uma declaração de design deliberada, que irá ficar consigo durante muito tempo– o que é ótimo, a menos que mude de gosto.

2. Formato Quinta Duplo

Prós: Escolher este tipo de lava-loiças terá os benefícios apresentados por qualquer outro lava-loiça duplo.

Contras: Não tem o verdadeiro estilo vintage de um lava-loiça de formato quinta único.remodelação de cozinha

3. Laterais arredondadas

Prós: Muitos proprietários que escolheram este tipo de lava-loiças, consideram que um formato curvado é mais fácil de limpar do que um com cantos retos.

Contras: Se o estilo da remodelação da sua cozinha tem um visual elegante e minimalista, então este pode não ser o visual que procura.

4. Escorredor embutido

Prós: Este formato funciona muito bem, pois permite secar a loiça, ou seja, é indicado para quem lava muita loiça à mão. O escorredor também permite a secagem de frutas e vegetais depois de lavadas. Mais uma vez relembramos que o essencial é analisar a utilização que dará ao seu lava-loiça, na altura de seleccionar um.

Contras: Por outro lado, quando remodelar, tem de medir bem o espaço disponível, pois, por exemplo, este é um lava-loiça maior, que ocupa mais espaço na bancada. Tem de ter a certeza que o mesmo cabe no local que idealizou, senão a sua remodelação pode ficar comprometida.

Com esta informação já pode definir qual o formato de lava-loiças mais adequado às suas remodelações. Muitos são os factores a relevar para tomar essa decisão e, se considerar que o melhor é deixar um profissional tomar conta do assunto, contacte um profissional certificado, uma vez que terá de habitar com a decisão durante muitos anos.